Ode de Sangue – Memórias Vampirescas


Boa noite leitores.
Hoje vou fala sobre um conto de uma autora brasileira, Nana Garces. Pois é gente estou me rendendo à literatura brasileira e amando. Essa leitura eu fiz bem rapidinha é um conto então é mais curto que um livro, porém não deixa de ser uma história fascinante. Eu sou bem suspeita falar sobre livros e contos que falam sobre vampiros, sou loucamente apaixonada por esse estilo de leitura.
A história é muito bem escrita e rica de detalhes inclusive com fatos históricos. A autora consegue levar a todos em sua leitura até a época em que se passa toda a história. Eu fiquei encantada com a escrita e com o conteúdo todo, todo detalhe escrito foi essencial para construção dos personagens. O que me chamou mais atenção foi que tem um conflito religioso envolvendo e que faz você pensar em muitas questões. Por mais que muitas histórias sejam fictícias nos podemos tirar lições e reflexões sobre elas, e esse conto é um, com muitas reflexões.
A personagem principal se chama Madalena e é uma jovem que tem uma fome de conhecimento. A história se passa na Itália no século XVII, e nessa época todos nos sabemos que os estudos eram bem diferentes do que temos hoje e a mulher não era permitida estudar. Porém sua mãe que era uma religiosa, através da bíblia ensina todos os seus filhos e filhas a ler. Com isso Madalena se tornou uma pessoa muito religiosa. Sua fé era algo digno de se ver, ela tinha um amor muito grande pelas pessoas, e estava sempre pronta a ajuda-las.
Madalena é filha caçula e a mais encantada por todos as histórias e ensinamentos que sua mãe a transmitiu. E é através dessa busca da leitura, artes e música que Madalena encontra Giovanni, um homem misterioso, com sua pele pálida, cabelos loiros, olhos azuis, um homem muito lindo, mas que possuía um olha triste. E a partir desse encontro na biblioteca angélica que a vida de Madalena mudaria. A partir desse ponto acontece muitas coisas tristes e dolorosas na vida de Madalena e sua família. Madalena é posta a prova para testar sua fé e o amor pelo próximo.
O que posso falar mais é que o conto traz uma mistura de emoções enquanto você lê. As emoções que senti foram: raiva, ódio, amor, entre outros que vão se misturando ao longo da leitura. Pensamentos vão surgindo a todo o momento, uma história que ficou com um gostinho de quero mais, quero muito mais saber sobre Madalena. Saber até onde sua religiosidade e seu amor pela raça humana irão chegar.

"Ela é humana demais para uma vampira. Boa demais até mesmo para uma humana."

Espero que tenham gostado e não deixem de comprar e se deliciar com essa historia. Até o próximo post. Beijinhos


                                                Book Trailer

Sobre a autora – Nana Garces
Nascida em Florianópolis, Nana Garces vive atualmente numa cidade da Grande Florianópolis, chamada Palhoça, onde mora com seu marido e cachorro. É formada em Serviço Social pela Universidade Federal de Santa Catarina. Sempre gostou muito de criaturas fantasiosas, mesmo em suas primeiras leituras Nana já demonstrou interesse pelo mundo sobrenatural. Seu interesse por escrever surgiu nos jogos de RPG e em fanfics quando ainda jovem. Com o tempo conheceu autoras como Charlaine Harris e Anne Rice, grandes influências para formar sua escrita. Escrever sempre foi uma diversão, apenas no começo de 2016 que foi desafiada por uma amiga a escrever um conto de suspense e essa experiência a levou a novos caminhos.
Hoje, Nana possui duas publicações na Amazon, um conto (Estoy de Acuerdo - Um atendimento do destino) publicado na antologia Vidas que se Encontram e o e-book Ode de Sangue - Memórias Vampirescas.




2 comentários:

  1. Hey, Gi!
    Não conhecia seu cantinho. Adorei!
    Menina, está TODO mundo falando desse livro e minha curiosidade só aumenta! Fechei parceria com a linda da Nana também, e espero poder dar meu parecer sobre essa história que já considero pacas, em breve haha.
    Sua resenha me deixou ainda mais fascinada pela história! A capa é maravilhosa e ainda por cima se passa na Itália?? Como não amar??! kk. Também adoro a temática! Mas te confesso que já me encontrava saturada dos estilos de abordagem.
    Mil beijokas! entreumlivroe-outro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Olá Anya. Realmente o livro é perfeito. Adorei mesmo e fiquei com aquele gostinho de quero mais. A Nana aborda bem a temática de uma forma bem pessoal, isso me fascinou bastante. E muito obrigada pelo carinho. 😘

    ResponderExcluir