Depois de Você


Boa tarde gente!

Já vou começar dando a minha opinião antes de tudo. Li Como era antes de Você e me apaixonei pelo simples fato da autora Jojo Moyes não fazer uma historia igual às outras. Ela foi autêntica em fazer um final real, que pode sim acontecer com algumas pessoas. Todos nos sabemos que Lou Clark era aquela pessoa que fazia da sua vida uma chatice, porém ao viver com Will viu que as coisas poderiam ser diferentes. Então criei uma expectativa ENORME de que o segundo livro Depois de Você encontraria uma Lou diferente, uma pessoa que faria exatamente o que Will pediu: viver mais intensamente. Mas não foi essa Lou que idealizei que encontrei nas páginas do livro. Foi quase uma mesma Lou. Não me apaixonei pela historia do segundo livro, mas não foi tão ruim assim. Então vamos a resenha do livro.
Depois da morte de Will, Lou faz algumas coisas que ele pediu que ela fizesse, viajou, visitou alguns lugares, mas não foi tão agradável para ela, pois cada lugar que ela ia lembrava-se de Will e a viajem virou um sofrimento. Então Lou decide voltar e aproveita o dinheiro que ele deixou para ela e compra seu próprio apartamento (outra coisas que ele havia pedido a ela, seja independente) em Londres. Sua vida continua a mesma talvez ate pior já que Will não está mais com ela. Lou trabalha no Shamrock and Clover um pub irlandês do aeroporto East City. Sua vida agora é assim, trabalhar e voltar para o seu apartamento vazio e beber. Lou não vê a sua família já algum tempo. Vive sozinha sem ninguém por perto para conversar perdida em seus pensamentos.
Um belo dia Lou está em seu apartamento e decide então sair para o terraço e pegar um pouco de ar e começa a se lamentar sobre sua vida. Enquanto ela está na beirada do terraço abre os braços e sente o ar fresco na sua pele e percebe que mais uma vez está chorando. Ela ouve uma voz dizendo algo a ela então Lou se vira e acontece o inesperado. Lou despenca do terraço e cataploft.

Viu? Estou aqui, viva, bem no limite. Estou fazendo o que você mandou!”

            Lou é levada as presas por ambulância onde esta o paramédico Sam para ajuda-la. Ao chegar ao hospital Lou é atendida e tem alguns ferimentos assim como algumas costelas quebradas também. Seus pais são comunicados e vem ao seu encontro. Sua mãe fica com uma leve impressão de que Lou tentou se suicidar. Seus pais decidem que ela deve voltar para a casa deles por um tempo ate que se recupere dos ferimentos. Lou volta para a sua cidade com seus pais e as lembranças ficam ainda mais intensas já que o castelo ainda esta lá com todas as lembranças de Will e os momentos que tiveram juntos.
           Assim que ela está recuperada e pronta para voltar a seu apartamento e seu trabalho, seu pai faz um pedido, que ela frequente um grupo de ajuda para pessoas que perderam alguém muito próximo. Lou aceita e volta para Londres. No seu primeiro dia no grupo ela não fala muito e ate mente o nome de Will, já que ela não queria que as pessoas soubessem quem realmente ela era. Tinha medo das pessoas a criticarem por ela ter fracassado em não conseguir mudar a opinião dele de não morrer. E assim a vida de Lou vai seguindo até que um dia...
          Um belo dia uma menina com seus dezesseis anos bate em seu apartamento dizendo ser a filha de Will (é gente isso mesmo Will teve uma filha). Como já se esperava Lou ficou sem saber o que fazer a principio e ouviu a historia que a menina Lily tinha a lhe contar. Lou procurou depois ver a veracidade dessa historia com a mãe de Lily. Tanya explica a Lou que foi namorada de Will na época da faculdade, mas que depois não teve nenhum contato com ele. Então ele não sabia da existência de Lily. A menina pede a Lou para ficar com ela uns dias para saber mais sobre seu pai já que Lou foi quem ficou com ele mais tempo do que qualquer outra pessoa nos seus últimos seis meses. Lou aceita a menina em seu apartamento, mas ela não sabe o que realmente a espera.
            Lou fica toda empolgada com a presença de Lily conta a ela tudo que sabe sobre Will e como ele era. Lou então decide levar Lily para conhecer seu avô que ainda mora no castelo. Porém seu avô agora esta casado com outra pessoa e prestes a ser pai novamente. Lou vai para sua cidade natal almoçar com seus pais levando Lily junto para depois irem ate o castelo. Ao chegarem lá Lily conhece os pais de Lou e mais tarde vai ao castelo com Lou conhecer seu avô. Ele fica impressionado com a historia e muito alegre por ter uma neta do seu filho Will. Lily fica muito empolgada por conhecer seu avô e diz a Lou quando elas então voltando que quer saber sobre sua avó.
             Lou continua frequentando o grupo de apoio e conhecendo outras historias parecida com a sua. Ela começa a ficar mais a vontade para falar sobre a sua dor e sobre Will. Em uma dessas reuniões ao sair se depara com seu anjo da guarda Sam o paramédico. Ele então vai falar com ela para saber como ela está e então a chama para sair. E é ai que a vida amorosa de Lou começa a ter um caminho. Depois de alguns encontros Lou e Sam começam a ter um relacionamento.

“Nunca se sabe o que vai acontecer quando se cai de uma grande altura.”

            Contudo as coisas entre Lily e Lou não estão muito boas. Lily ainda está morando com Lou e trazendo muitos problemas de adolescente rebelde. As duas começam a brigar com frequência e acabam não se entendendo mais. Porém um dia Lou decide então levar Lily para conhecer sua avó que não está mais morando na mesma cidade. Ao chegarem lá Camila, a avó de Lily, não fica muito contente com a ideia de ter uma neta, pois as lembranças de Will iriam retornar. Então o encontro delas não é tão agradável assim. Lou e Lily voltam para casa em silencio.
            O relacionamento de Lou e Sam tem altos e baixos e o de Lily e Lou também. Muita coisa acontece com os três, mas vou deixar os detalhes para vocês lerem no livro. Rola até uma pequena ação emocionante no meio do caminho.
            Um dia a avó de Lily decide que gostaria de passar mais tempo com ela então Lily a pergunta se poderia morar com ela, e Camila na mesma hora aceita. Lou vê que a menina que lhe fazia companhia estava indo embora. Mas que isso era maravilhoso para Lily e para Camila.
             Lou mantem um contato com Nathan que agora está trabalhando em NY. O patrão de Natan está precisando de alguém para ficar com sua esposa, de acompanhante e ele pensa em Lou. Então ele liga para ela e passa toda informação necessária. Lou diz que iria pensar no assunto. Isso seria uma oportunidade grande, mas Lou pensa em Sam e em Lily. Ficar longe deles seria algo que ela não conseguiria fazer. Mas Will sempre dizia siga em frente, não importa como.

“Você não precisa deixar de que uma única coisa seja aquilo que define quem você é.”

             Bom eu vou parar por aqui. Para saber se Lou e Sam ficaram juntos, se Lou foi para NY trabalhar com Nathan, se Lily conseguiu uma família, se o grupo que Lou frequentava enfim conseguiram superar suas perdas e se a família de Lou continuou unida, só lendo o livro. São muitas questões que deixei aberta para que vocês possam descobrir lendo. Até o próximo post!

7 comentários:

  1. Muito legal sua resenha!
    Eu não li o primeiro, mas assisti o filme. Sempre acho que o livro é melhor, mas depois de ver o filme perde a graça rs.
    Agora quero ler A Última Carta de Amor mas tenho um outro na lista pra ler antes rsrs
    Amo ler!
    Você tem perfil no Skoob? É bem legal.

    Sempre posto resenhas no blog tbm, segue por lá :)
    www.acheierabisquei.com.br

    Beijoss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, obrigada pelo comentário. Realmente o livro é sempre melhor que o filme. Mas até que o filme Como eu era antes de Você foi bem fiel ao livro.
      A Última Carta de Amor já li também. Fiz um post dele aqui no blog.Pode ler sem medo. Beijos

      Excluir
  2. Ei, Gisele! Adorei o post <3

    Estou doida para ler Como era antes de Você haha. Chorei rios com o trailer, sabe?!

    Beijos,
    http://voceetaolivro.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor. Leia sim você vai amar. O filme também é muito bom foi dos poucos que vi que foi fiel ao livro. A atriz que escolheram é sensacional interpretando a Lou. Agora já O livro do post não gostei muito como falei. Mas leia pode ser que você tenha uma opinião diferente da minha.
      Obrigada pelo post. Beijinhos

      Excluir
    2. Obrigada pelo comentário... kkk

      Excluir
  3. Respostas
    1. Olá e mais uma vez obrigada pelo comentário. Pois é, isso acontece as vezes, mas confesso que esse me deixou bem triste. Abraços

      Excluir